Em Condomínios, Legislação

Regimento interno de condomínio - Vox Administradora de Condomínios em CuritibaCom o surgimento de um novo edifício comercial ou residencial, torna-se necessário criar um Regimento Interno de condomínio. Ele é um documento público e fundamental para manter a ordem do local, pois conflitos podem surgir devido aos problemas na administração interna e da convivência entre os condôminos. A Vox Administradora de Condomínios em Curitiba entende tudo sobre Regimento Interno, e por isso vamos falar um pouco mais sobre esse assunto.

A importância do Regimento Interno de condomínio

O Regimento Inpelo síndico. Além disso, o estatuto vale para todos os indivíduos que entrarem no condomínio, pois o terno de condomínio é um documento que apresenta informações e obrigações a serem seguidas pelos condôminos e Regimento Interno de condomínio possui uma característica institucional. Sendo assim, quando um condômino recebe um visitante em seu imóvel, o mesmo deverá respeitar as normas. E caso o visitante desrespeite as regras estabelecidas, o condômino deverá responder pelos atos e danos causados em áreas comuns.

O Regimento Interno de condomínio deve estar sempre disponível para consulta de qualquer indivíduo, pois seu objetivo é evitar o desconhecimento relacionado aos deveres e direitos dos condôminos.

Principais assuntos abordados no Regimento Interno de condomínio:

– Horário de silêncio;

– Uso das áreas comuns de lazer (academia, piscinas, playgrounds, entre outros);

– Realização de mudanças, reformas e obras;

– Criação de animais de estimação nas unidades.

Se você tem dúvidas sobre como elaborar ou atualizar o Regimento Interno no seu condomínio, nós da Vox Administradora de Condomínios podemos ajudá-lo! Dispomos de um departamento jurídico para prestar uma assessoria completa em todos os assuntos pertinentes a legislação condominial. Para mais informações sobre nossos serviços para condomínios em Curitiba e Londrina, entre em contato com a Vox Administradora de Condomínios em Curitiba.

Posts recomendados
Reuniões de condomínio - por que participar